Milão, a “signora” boémia e cosmopolita de Itália

Antes de mais, caros e prezados leitores, queremos pedir-vos desculpa pela nossa ausência de um mês mas, às vezes, também faz bem estarmos afastados da Internet e das redes sociais. Estivemos em “modo férias”, curtas mas cheias de coisas boas: uns dias no Alentejo com a família e uma semana com os amigos num dos sítios que nos fazem mais felizes.

O que dizer de Milão? Ou se gosta, ou se odeia. A primeira vez que decidimos conhecer esta cidade, as coisas que mais ouvíamos eram: “não vale a pena gastar dinheiro nisso, passem à frente”. Felizmente, gostamos do mote “don’t listen to what they say. Go see” e fomos ver com os nossos próprios olhos.

milano-duomomilano-duomo-pipa-guimilano-duomo-guimilano-galleria-pipa-gui

Milão é, sem dúvida, a cidade “grande” de Itália. Grande no sentido em que tem um ambiente totalmente diferente de todas as outras que visitámos: avenidas amplas, uma atmosfera cosmopolita e boémia, muitas lojas, pessoas cheias de estilo (e finalmente bonitas! Esqueçam a ideia de que este país está repleto de pessoas de fazer cair o queixo, vivemos em Roma um ano e achamos que isso não passa de um mito ahah).

Como já tínhamos visto a maioria dos sítios da primeira vez, este regresso serviu apenas como ponto de partida para chegar a Cinque Terre. A ideia seria visitar, finalmente, o Lago Como mas, graças às infindáveis greves dos pilotos, perdemos um dia inteirinho (thanks Ryanair!).

milano-navigli-1milano-navigli-pipamilano-naviglimilano-navigli-gui

Por isso, não se admirem por termos tão poucas fotografias e por serem tão pouco variadas. Esta mini-estadia serviu apenas para passear, recordar os sítios que mais gostamos na cidade, comer boa comida e até reencontrar amigos que já não víamos há muito tempo (se estiveres a ler isto João, muito obrigada pelo jantar!). Não sabemos qual é a vossa opinião, provavelmente até é exatamente a mesma que a dos nossos amigos, mas deem uma oportunidade a Milão. É certo que se querem conhecer a “vera Italia” não é para aqui que vêm, mas a cidade tem os seus encantos, por isso, vale a pena dar uma segunda oportunidade. Aposto que se comerem um “panzerotto” no Luini vão perceber do que estamos a falar 🙂

milano-pipa-brunchmilano-luinimilano-luini-pipamilano-pipa-gui

Ps. Já viram o nosso último vídeo?

5 comments

Submit a comment

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s